sábado, 7 de dezembro de 2013

Pão Caseiro da Tia Nena

E vocês irão dizer: "Apareceu a Margarida!?!" Pois é! Sumiiiiii... Espero que me perdoem o sumiço!! 
É que como uma legítima sagitariana que sou, no momento, minha flecha está apontada para vários lugares, menos para a cozinha, que tanto amo.
Fazer o quê? Coisas da vida! Aqui em casa, rolando apenas o trivial, sem grandes novidades.
Aproveitando para dar um brilho extra nas panelas... organizar meus livros de culinária... deixar a cozinha cheirosinha... limpar toda farinha grudada na lente da minha máquina fotográfica, que aliás, também está desativada (aqui usei celular...), mas pronta para entrar em ação a qualquer momento. Não descarto essa possibilidade, sou imprevisível!


Gosto do imprevisível, de escapar da rotina de cada dia, de novidades. E especialmente este ano, me encontro em período de reflexão, faxina geral, mudanças, de "sacode a poeira e dá a volta por cima". 
E pra me reorganizar, senti necessidade de uma paradinha básica. 
Mas, especialmente hoje, bateu uma saudadinha, e resolvi postar esta receita do Pão da Tia Nena, que tem rolado, semana sim, semana não, em cozinha alheia (da mamãe!)... 
                                                                                                                  Beijosssss e até la vista!!**
Você irá precisar:
* 50 g de fermento biológico fresco
* 1 copo (250 ml) de água morna com 1 colher (sopa) de sal
* 1 copo (250 ml) de leite morno com 1 colher (sopa) de açúcar
* 2 ovos batidos ligeiramente
* 3 colheres (sopa) de manteiga
* 1 kg de farinha de trigo aproximadamente (um pouco mais ou um pouco menos)

Faça assim:
Coloque o fermento numa vasilha e dissolva acrescentando a água e o leite.
Junte os ovos ligeiramente batidos e a manteiga.
Acrescente a farinha de trigo aos poucos, misturando com uma colher de pau, em seguida coloque numa bancada enfarinhada e vá amassando e juntando o restante do trigo, aos poucos, até desgrudar das mãos.
Sove muito bem. Em seguida, corte em 4 partes e forme os pães, colocando em assadeira.
Deixe crescer em local sem ventilação até dobrar de volume.
Pães crescidos, faça cortes diagonais e leve ao forno preaquecido até ficarem douradinhos.

A melhor invenção de todos os tempos... Pão quentinho!! 
                                                               Macio até no dia seguinte, experimenta e depois me conta!!

20 comentários:

Marbene Araujo Bueno disse...

Olá minha querida amiga Maísa, boa tarde!

É melhor dizer logo e com a espontaneidade que me é peculiar que a satisfação em revê-la ressurgindo assim tão leve e solta, trouce de volta também o meu sorriso.

Quanto ao pão, ia me esquecendo, está lindo, como sempre! Parabéns...vc é craque!!

Beijos

Maísa Commans disse...

Obrigada, meu querido amigo! Seu recadinho tão carinhoso me deixou muito feliz. E vc captou muito bem, leve... imensamente leve... Qualquer hora eu volto! Saudades de vc também!!beijão

angela disse...

bom demais vê-la de volta, belo pão sensacional! bjs

Maísa Commans disse...

Angela, vc é uma querida...Obrigada!

Renata Boechat disse...

Os pães estão lindíssimos, super apetitosos, mas o bom mesmo é ter você de volta, te entendo bem, tem horas que a gente fica mesmo com preguiça de certas coisas, é preciso tempo pra se renovar, dar uma sacudida na poeira da vida,

Dê tempo ao tempo, volte de vez quando estiver tudo no lugar

Beijo pra você
Renata

Maísa Commans disse...

Obrigada, Renata!De vez em quando estarei por aqui. Afinal é um espaço especial,um pedacinho de mim,dividido com muito carinho. E onde conheci pessoas lindas, como você...beijão

A Paixão da Isa disse...

que bom ter vc de volta ja sintia sua falta e da sua cozinha a prova este paozinho ele esta 5* adorei o interior mt bom adorei beijinhos e tudo de bom bom domingo

Marisa Vlasic disse...

Imprevisível é bom Maísa, surpreende e faz a vida ficar mais interessante!! Muito bom ter você de volta trazendo notícias e esse belo pão fofinho e quentinho!! Beijão

Nani disse...

Nossa que pão maravilhoso!!!
Você também é sagitariana? Eu também sou amooo!
Beijos

Dejanira Rodrigues disse...

Parabens Maisa!!!! Este pao ficou lindoooo!!! Eh fofinhoooo, e mto saborosoooo!!!! Bjssss

Andréa disse...

Querida Maísa,
bom demais tê-la de volta!
As vezes é bom darmos um tempo, renovar as energias e fazer uma faxina. Neste final de ano não vou viajar, vou tirar um tempo p/ mim e fazer uma faxina tbm estou precisando muito, rsrs.

Que pão maravilhoso! Levo a receita!

Beijos, fique com Deus ♥

Anônimo disse...

Olá, Maisa

Gostaria de saber se pode usar fermento instantâneo seco? E caso afirmativo qual a quantidade.
Grata,
Ellen

Yolanda disse...

Sentimos saudades e sua falta, porém vc deve sempre fazer o que é melhor. Bjs e Felicidades amiga.

Maísa Commans disse...

Obrigada pelo carinho, Yolanda!!!beijão

Maísa Commans disse...

Ellen,1 envelope de fermento biológico seco (10 g) equivale a 3 tabletes (45 g) de fermento biológico fresco. Nesse pão, especificamente, sempre usei o fresco, mas acho que se usar um envelope,ficará bom também...bjs

Josy disse...

Querida Maísa, quero deixar meus votos de um Feliz Natal e um maravilhoso Ano Novo, repleto de paz, saúde, realizações, e alegrias junto aos seus familiares. Que 2014 seja magnifico para todos nós. Beijinhos. Até 2014 amiga

Arione Torres disse...

Oi Maísa querida, como você está, espero que bem!!! Lembra de mim amiga?? Estou aqui de novo!! Desculpe pela ausência..
Que delícia ein?? Fiquei com água na boca!!
Bjs e boa semana!!

Emagreça Rápido disse...

Nossa, parece maravilhoso, tenho que experimentar, e ainda dá pra inventar algumas coisas, tipo, colocar alguns recheios rssr

Muito bom, parabéns!

Simples e fácil!

Anônimo disse...

Olá, gostaria de saber como vc abriu a massa e o que você jogou em cima? omo enrolou. Obrigada!!!

Maísa Commans disse...

Depois que vc cortar em 4 partes, forme bolas e deixe crescer. Abra com os dedos cada parte em uma bancada e enrole feito rocambole. O branco de cima é a farinha de trigo que polvilhei na massa enquanto crescia... Ok?